PRÁ FRENTE BRASIL (Ou: Mais um “Samba do Crioulo Doido”

PRÁ FRENTE BRASIL

(Ou, Mais um “Samba do Crioulo Doido”)

 

Bom dia meu querido Brasil, como vai ocê?

Acha que vai tudo bem? Acha que vai tudo mal? Fica no meio termo de uma corda bamba?

 Nossas palmeiras e praias, nossos Marimbondos de Fogo,

nosso céu onde brilha a fulgurante constelação do Cruzeiro do Sul,

Nossa criatividade e nosso jeitinho em resolver

As coisas – jeito nem sempre ético, honesto ou decente…

Mas, tantas vezes como forma do brasileiro pobre

– No sentido econômico da palavra -,

Encontrar o jeito de sobreviver sem perder a dignidade

Ou comprometer sua Alma. Haja milagres necessários!

 Ah! Grande Alma desses milhões de brasileiros

Que tanto atrai o mundo pela sua musicalidade, requebros,

Humor, cordialidade em sua Arte de Descascar Abacaxis,

Pra sobremesa dos grã-finos.

Porém, um Brasil – você, meu irmão – Ficando ríspido,

Violento, inquieto, passeateando? … Calma e caldo ralo…

 

O que acontece?

Temos um Congresso tão modesto, o mais “barato” do Mundo

Um MP tão economicamente correto respeitador do Piso Salarial Legal,

Um STJ tão ativo apesar da exigüidade de verba… E tão poucos funcionários …

Tão sôfrego trabalho com os processos que mofam

Por causa das mandingas dos que querem o famoso Decurso de Prazo.

Ora bolas, Brasil, amigos são prá essas coisas, seja manso, compreensivo, paciente.

Afinal o stress é tão grande das autoridades, desde Municípios a Capital Federal… Precisam descansar nas coberturas tão

baratinhas de Miami, distrairrem-se nas comprinhas.

E essa classe média que reclama de pagar nossos suados salários: Chauí, chuá,  nela!

 Ministérios tão eficientes, com boa gente De variegada origem política…

Você reclama, clama, poetiza essa natureza tão peculiar.

Nosso querido agro-negócio, por exemplo, não derruba uma árvore sequer,

Nunca invade terras públicas. Trata bem os índios que atravancam o ‘porgressio’,

E ama a biodiversidade da Amazônia.

Defendem dos truculentos sem-terra, com suas milícias almadas de bate-panelas.

 

Brasileiro? Isso existe?

Fica contentinho ai em sua palafita, no seu barraco, na sua oca, no seu mukifo, no seu barranco!

Não vem espantar turista na Orla Atlântica… Vai aprender alguma coisa boa na Escola do Prof.Raimundo.

O Brasil tem essa sua grandiloqüente política habitacional, que vigora desde

A antiga República, passando pela Dita, pela Nova e pela Constituinte.

 

Irmãos tupiniquins comam brioche se não tem pão à vontade!

– como disse a rainha louca. Vamos lá, com fé e muita reza forte

Pra que caiam por terra os difamadores de plantão, de tão bondosa elite acima de qualquer suspeita

Ou de qualquer ato que desabone sua ficha tão limpa. Limpíssima… Omo Total!

Ora, não reclama, brasilzinho: Nas nossas maviosas fronteiras

Não tem impunidade. Coma sua marmita bolsa família com xuxu do quintalzinho.

E faça o sinal da cruz diante de cada Repartição Pública onde nunca encontram Funcionários Fantasmas.

Há hospitais a granel, remédios e fitoterápicos para todas as doenças, salas de aula de primeiríssimo

mundo, professores regiamente Assalariados… Vivemos num paraíso, descansa neste Berço Esplendido!

Cala a boca e torça prá você, Brasil, ganhar mais uma Copa do Mundo nas arenas padrão FIFA.

– Vamos depois derrete-la dando “Ouro para o bem do Brasil”.

Coitadinho do Pelé que disse que o brasileiro não sabe votar! … Na charge botaram uma chuteira no lugar de sua cabeça

afro-brasileira.

Como diz o antigo pensamento de nossa gloriosa sapiência, nosso modus vivendi :

Vamos mudar pra ficar tudo como sempre esteve, desde as Caravelas, as Entradas & Bandeiras.

 Vamos lá, pra frente Brasil,

Ame-o ou deixe-o!   rs rs   (JJA/2014)

 

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s